Estrangeirismo

Estrangeirismo é o processo que introduz palavras vindas de outros idiomas na língua portuguesa. De acordo com o idioma de origem, as palavras recebem nomes específicos, tais como anglicismo (do inglês), galicismo (do francês).

A maioria das palavras da língua portuguesa tem origem africana, latina, grega, árabe, espanhola, italiana, francesa, inglesa, indígena, entre outras. Como por exemplo: abajur (francês); tricot (francês); mouse (inglês); skate (inglês); shopping (inglês); álcool (árabe); algarismo (árabe); geografia (grego); filosofia (grego); batuque (africana); marimbondo (africana); cantina (italiana); pizza (italiana); caju (indígena); canoa (indígena), etc. Essas palavras são introduzidas em nossa língua por diversos motivos, sejam eles fatores históricos, socioculturais e políticos, modismos ou avanços tecnológicos. As palavras estrangeiras geralmente passam por um processo de aportuguesamento na fala e na escrita. A Academia Brasileira de Letras, órgão responsável pelo Vocabulário Ortográfico de Língua Portuguesa, tem função importante no aportuguesamento dessas palavras. Mas algumas palavras, especialmente vindas do inglês, passaram a fazer parte do nosso dia a dia sem sofrer o aportuguesamento, como happy hour, playground, pet shop, off ou sale, delivery, e outras.

Em 2001 foi aprovado um projeto de lei na Câmara que restringe o uso de palavras estrangeiras e obriga o uso da língua portuguesa por brasileiros natos e naturalizados e pelos estrangeiros residentes no Brasil há mais de um ano. Dessa maneira, com a lei aprovada, todos os documentos oficiais do Brasil deverão ser escritos em português. O projeto prevê ainda que toda comunicação dirigida ao público, caso utilize palavras em outra língua, terá tradução para o português. A regra vale para peças publicitárias, relações comerciais, meios de comunicação de massa e informações afixadas em estabelecimentos comerciais.

As músicas abaixo falam sobre o assunto de maneira bem humorada:

Para escutar clique abaixo:

Estrangeirismo

Samba do Approach

Questões:

1. Será que esse projeto de lei realmente protege a língua portuguesa ou  é xenófobo (preconceituoso com o diferente, com o estrangeiro)?

2. O uso do estrangeirismo pode revelar um processo de aculturação? Justifique.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: